Guia 2021

Cadastre-se
anuncie
MENU
COTAÇÃO DE INGREDIENTES
GUIA DE FORNECEDORES
CADASTRE SUA EMPRESA - CLIQUE AQUI


Voltar

Kellogg se divide em três empresas

O conselho de administração da Kellogg Co. aprovou um plano para dividir a empresa em três negócios independentes - snacks globais, cereais norte-americanos e alimentos à base de plantas. A separação proposta está programada para ser concluída até o final de 2023, de acordo com a empresa.

A Kellogg está em uma jornada bem-sucedida de transformação para melhorar o desempenho e aumentar o valor do acionista no longo prazo. Isso incluiu a reformulação do nosso portfólio, e este anúncio agora é o próximo passo nessa transformação”, disse Steve Cahillane, presidente e CEO da Kellogg.

Cahillane também acrescentou que todos esses negócios têm um potencial autônomo significativo, e um foco aprimorado permitirá que direcionem melhor seus recursos para suas distintas prioridades estratégicas. “Por sua vez, espera-se que cada negócio crie mais valor para todas as partes interessadas, e cada um está bem posicionado para construir uma nova era de inovação e crescimento”, comentou.

O negócio global de snacks terá aproximadamente US$ 11,4 bilhões em vendas e incluirá snacks da Kellogg's, cereais internacionais, macarrão e produtos de café da manhã congelados da América do Norte. A empresa dividirá sua sede entre Battle Creek, Michigan e Chicago, nos Estados Unidos.

Quase 60% das suas vendas líquidas virão de snacks globais, incluindo marcas como Pringles, Cheez-It, Pop-Tarts, Kellogg’s Rice Krispies Treats, Nutri-Grain e RXBAR, entre outras. Menos de um quarto das suas vendas líquidas virá de cereais nos mercados internacionais e marcas como Kellogg's, Frosties, Zucaritas, Special K, Tresor, Krave, Coco-Pops e Crunchy Nut.

Cerca de 10% das suas vendas líquidas vêm do macarrão na África e o restante virá de café da manhã congelado e da marca Eggo.

O cereal norte-americano terá vendas de cerca de US$ 2,4 bilhões e incluirá marcas de cereais nos Estados Unidos, Canadá e Caribe. O portfólio de negócios de cereais incluirá Kellogg's, Frosted Flakes, Froot Loops, Mini-Wheats, Special K, Raisin Bran, Rice Krispies, Corn Flakes, Kashi e Bear Naked.

O negócio de alimentos à base de plantas incluirá a marca MorningStar Farms da Kellogg e terá aproximadamente US$ 340 milhões em vendas.

De acordo com a Kellogg, dividir o negócio em três empresas independentes lhes permitirá focar em prioridades estratégicas específicas, executivos com agilidade e flexibilidade operacional e moldar culturas corporativas distintas.

Fonte: Food Business News




Envie uma notícia



Telefone:

11 99834-5079

Newsletter:

Fique conectado:

© EDITORA INSUMOS LTDA.

001