Vote
Vote
Vote
Vote
Vote
Vote
Vote
Vote
Vote
Vote
Vote
Vote
Vote
Vote
Vote

Esconder

Guia 2021

Cadastre-se
anuncie
MENU

Cotação de Ingredientes

Guia de Fornecedores

CADASTRE SUA EMPRESA - CLIQUE AQUI


O que inclui a experiência sensorial?

Os últimos anos transformaram os hábitos de consumo na alimentação. O resultado é que em 2023, os consumidores darão mais ênfase à experiência sensorial completa, ou seja, desde a descoberta, compra e preparo até o consumo. O desafio para marcas e fornecedores é atender a essa sensibilidade em mudança e para isso, compreender a experiência sensorial é fundamental.

O paladar e o olfato são fundamentais quando se trata de alimentos e o efeito que esses dois sentidos tem na experiência de consumo não deve ser subestimado.

O paladar é o ponto de partida. Por isso, sabores mais ousados e novas combinações que ultrapassam os limites do sabor ou combinam diferentes sensações gustativas serão mais comuns no desenvolvimento de novos produtos.

A textura deve ser pensada em todas as formas. Por exemplo, como o produto será consumido, se está quente ou frio, qual o impacto na textura?

Os produtos não são unidimensionais, portanto, adicionar textura em qualquer produto cria interesse para o consumidor. A textura também deve ser considerada no início da jornada de compra, quando os consumidores manuseiam os produtos, conectando-se a eles por meio do tato. É importante pensar que influência essa experiência tem em suas decisões de compra.

Juntamente com a textura de um produto, a embalagem também desempenha papel importante, tanto no toque quanto na visualização. Na verdade, o papel da visão nas escolhas alimentares é mais crucial do que se imagina. A maioria das pessoas “come com os olhos”, portanto, desde a seleção do produto, em meio a tantos outros, até a apresentação real do alimento, a experiência visual é fundamental.

Também é importante considerar qual será a experiência auditiva para os consumidores ao consumir o produto. É preciso considerar como os produtos serão consumidos e incorporar isso às ideias de receitas.

Por fim, o papel do olfato nessa jornada sensorial não deve ser subestimado. Além do cheiro direcionar cerca de 80% do que os consumidores provam, também podem invocar a memória. Aliás, a nostalgia é um tema que vem ganhando força nos últimos anos.

Os consumidores estão cada vez mais procurando por novas experiências sensoriais; e a textura, sabor, cheiro e som podem proporcionar essa nova experiência, incorporando acertadamente todos os cinco sentidos em novos produtos em 2023.




Notícias relacionadas



Envie uma notícia



Telefones:

Comercial:

11 99834-5079

Newsletter:

© EDITORA INSUMOS LTDA.

001