Guia 2021

Cadastre-se
anuncie

Quem é PLANT está aqui!
plantbasedbr.com

Vem conferir!

MENU
MÍDIA KIT 2021
Download
COTAÇÃO DE INGREDIENTES
GUIA DE FORNECEDORES
CADASTRE SUA EMPRESA - CLIQUE AQUI


Voltar

As inclusões certas podem transformar um lácteo

Na área de lácteos, frutas, nozes e outras inclusões adicionam um pouco de diversão e emoção, transformando um produto comum em um produto diferenciado. Além disso, as inclusões que combinam com as tendências atuais e emergentes representam uma oportunidade no desenvolvimento de novos produtos lácteos. Provavelmente, essa é uma das razões pelas quais as inclusões representam um negócio em crescimento, dentro e fora do setor de lácteos. Um recente relatório prevê que o mercado global de inclusão de alimentos alcançará US$ 14.730 milhões até 2026, crescendo a uma taxa composta de crescimento anual de 6,1% entre 2021 e 2026.

Uma dessas tendências é a inclusão de alimentos integrais que fornecem sabor e textura. De acordo com uma variedade de fontes, os alimentos integrais são geralmente entendidos como alimentos naturais submetidos a processamento zero ou mínimo. As nozes, certamente, se encaixam nessa categoria. “Com essas inclusões, um produto pode manter uma lista de ingredientes com rótulo limpo e oferecer algo familiar e reconfortante aos consumidores. É por isso que estamos vendo um aumento no uso de nozes no desenvolvimento de novos produtos”, disse Jennifer Williams, diretora de marketing do California Walnut Board and Commission.

As nozes não só conferem sabor, nutrição e funcionalidade, como também não são nem muito duras, nem muito moles, proporcionando a mordida perfeita. Além disso, também fornecem ácidos graxos ômega-3 ALA saudáveis. “Os consumidores de iogurte e queijo cottage muitas vezes consomem os produtos como um café da manhã ou lanches mais nutritivos”, “Com as nozes, os desenvolvedores de produtos podem agregar benefícios funcionais a esses produtos na forma de 2,5 gramas de ácidos graxos ômega-3”.

A diretora associada de marketing comercial e administração do Almond Board of California, Harbinder Maan, concorda com a tendência de inclusão de alimentos integrais, observando que muitos fabricantes de laticínios estão formulando com amêndoas inteiras e picadas. Uma porção de 30 gramas de amêndoas contém 6 gramas de proteína e 4 gramas de fibra. “Misturas texturizadas, camadas e gotículas adicionam toque e sabor ao iogurte e sorvete e também podem ser personalizados para oferecer uma experiência multissensorial ao cliente. Por exemplo, vimos fabricantes incluir amêndoas picadas, torradas e aromatizadas para os consumidores adicionarem às bases de iogurte para uma crocância satisfatória e inclusão saudável”, observa.

As nozes também combinam com o atual desejo dos consumidores por saúde e indulgência. “Formular produtos que oferecem ambos, como usar nozes como uma inclusão no sorvete, dá aos consumidores um produto que podem desfrutar, enquanto obtêm benefícios nutricionais”, diz Williams.

Maan observa que o uso de amêndoas continua a crescer. Na verdade, os lançamentos de novos produtos de amêndoa no segmento global de sobremesas e sorvetes aumentaram 17% entre 2018 e 2019, de acordo com dados da Innova Market Insights. “As amêndoas podem ser usadas para melhorar nutricionalmente sobremesas congeladas que não comprometem o sabor e a textura e são tão indulgentes quanto as formulações mais tradicionais. Para quem prefere uma textura mais lisa e cremosa, a manteiga de amêndoa serve bem como uma camada ou um fiozinho em sorvetes e iogurtes”, acrescenta.

O desejo dos consumidores por saúde e prazer também os leva a buscar produtos com menos aditivos, menos açúcar e rótulos limpos. Kyra Appleby, tecnóloga de inovação da iTi Tropicals, observa que as nozes não são as únicas estrelas nesse campo, sucos de frutas in natura, concentrados e purês também representam oportunidades para o desenvolvimento de produtos lácteos. “Eles podem ser adicionados e combinados para criar uma nova base ou usados como um variegado para”, ressalta.

Quando se trata de sabores, no entanto, os consumidores ainda querem algo novo e empolgante. “Frutas exóticas são a melhor maneira de criar algo novo e familiar. Experimente misturar concentrado de maracujá e purê de manga para obter um redemoinho de cor viva, doce e ligeiramente azedo para intensificar um sorvete tradicional”, enfatiza Appleby.

Combinações de frutas e botânicos também são tendência, segundo Felicia Francisco, gerente de marketing da Agrana Fruit EUA e Canadá. “Por exemplo, em lácteos refrigerados, frutas com um toque de vegetais, como mirtilo, lavanda ou morango, oferecem um toque inesperado. Equilibrar os sabores nesses tipos de preparações de frutas é extremamente importante”, acrescenta.

Davis observa que o aumento do foco na saúde intestinal no último ano aumentou a popularidade do iogurte e do queijo cottage. E as inclusões de frutas são um ajuste natural aqui. “Frutas doces complementam o sabor picante do iogurte cultivado e o sabor levemente salgado do queijo cottage. Assim como acontece com o sorvete, a incorporação de uma mistura de texturas e ingredientes aumenta as credenciais da marca e o apelo do sabor. As adições de frutas também ajudam as marcas a atrair novos consumidores”, explica.

Por falar em frutas doces, os morangos têm uma doçura natural para emprestar a um produto, diz Jeannie Swedberg, diretora de desenvolvimento de clientes e marketing da Tree Top Inc. Podem ser adicionados como ingredientes congelados individualmente às formulações ou usados em uma variedade de aplicações. “Curiosamente, quando você considera os sabores/variegados de frutas em sorvetes e sobremesas congeladas, ano após ano, o morango é o favorito. Vemos muitos lançamentos de novos produtos em sorvetes/sobremesas congeladas, o foco agora está em rótulo limpo, ceto, redução de gordura, redução de açúcar/baixo teor de açúcar e muitas sobremesas congeladas vegetais/não lácteas. E dentro dessas tendências, vemos frutas incluídas, ou seja, morango, baga, framboesa, manga, cereja, pêssego, etc.”, observa.

Frutas posicionadas como ingredientes funcionais também podem ser uma boa opção de adição aos lácteos. Heidi Farkas, gerente nacional de vendas e marketing da Milne MicroDried, diz que muito do desenvolvimento de produtos atualmente está vinculado a ingredientes funcionais que aumentam a imunidade, devido a pandemia da Covid-19 e a necessidade dos consumidores de se sentirem saudáveis e seguros. “Os desenvolvedores de alimentos estão usando mirtilos, cranberries, sabugueiro e muitas outras frutas com altos níveis de antioxidantes que apoiam a imunidade”, observa.

Em meio à pandemia, as inclusões certas também podem ajudar os processadores de lácteos a atender o desejo dos consumidores por uma pausa na rotina, sugere Caroline Vogel, diretora de desenvolvimento de novos negócios da Star Kay White. “Na tendência, estão inclusões que proporcionam cor, crocantes e combinações que levam os consumidores a uma aventura culinária”, diz.

Combinações de sabores e texturas também podem dar uma sensação de aventura aos lácteos. “Por exemplo, um variegado de mirtilo com pedaços de noz transforma uma sobremesa simples sem lácteos em um deleite indulgente. A textura inesperada de um pedaço crocante de biscoito ou a crocância de um pedaço de chocolate amargo oferecem uma surpresa deliciosa”, sugere Davis.

Tara Gonzales, gerente de marketing da Pecan Deluxe, enfatiza que o impacto da Covid-19 é um fator-chave em muitas das tendências que estão sendo observadas. “Os consumidores estão mais preocupados do que nunca com a saúde e o bem-estar e em busca de opções saudáveis, o que é um bom presságio para as opções de frutas e nozes, pois são alternativas naturalmente ‘melhores para você’, sendo as nozes uma boa fonte de proteína”, destaca.

Fonte: Dairy Foods




Envie uma notícia



Telefone:

11 3628-6931       11 99834-5079

Newsletter:

Fique conectado:

© EDITORA INSUMOS LTDA.

Av. Srg. Lourival Alves de Souza
130 - Conj. 113 - 1˚ Andar
04675-020 - Jardim Taquaral
São Paulo, SP - Brasil

001