Guia 2021

Cadastre-se
anuncie
MENU
Participe agora mesmo
Votações
COTAÇÃO DE INGREDIENTES
GUIA DE FORNECEDORES
CADASTRE SUA EMPRESA - CLIQUE AQUI


Voltar

PMAN inaugura nova fábrica para atender a demanda por massa madre

Durante a pandemia houve um aumento no consumo de pães, impulsionado em boa parte pela alta demanda de produtos industrializados que possuem uma validade maior que a dos pães artesanais, mais nutritivos e com variedade de sabores. O incremento da categoria de panificação com novos atributos foi impulsionado pelos avanços na área da biotecnologia, que deixou mais evidente, por exemplo, os benefícios do método de fermentação natural, já consagrado nos mercados europeus e nos Estados Unidos, e que começa a ganhar tração no Brasil: a massa madre.

Para suprir a crescente demanda não só pelo método de fermentação natural no país, mas também por outros ingredientes de alto consumo na indústria de pães, biscoitos e pizzas, a foodtech PMAN, desenvolvedora de soluções para a indústria de panificação, inaugurou, em abril, uma nova fábrica em Guarulhos (SP). “Nossa nova fábrica vem para suprir o aumento da demanda de massa madre e de soluções de alta qualidade em desmoldantes, antimofo e encapsulados”, afirmou Paulo Cavalcante, CEO da PMAN.

A foodtech entrega soluções integradas para o segmento de panificação, é uma das principais líderes no mercado e possui um portfólio com foco em atender diversas bases de clientes que fabricam pães, biscoitos, panetones, pizzas, bolos etc. “Nós somos uma foodtech com um dos portfólios mais completos e com soluções integradas para a indústria da panificação. Temos escritórios nos Estados Unidos e no Chile, e uma joint-venture com a centenária empresa Böcker, a primeira a disponibilizar comercialmente culturas de massas madre no mundo. Esse acordo prevê transferência de conhecimento, tecnologia e inclui direitos de produção do fermento nas Américas”, explicou Cavalcante.

A massa madre é um fermento natural, também conhecido como massa sourdough, denominação inglesa, ou levain, em francês, utilizado desde a produção dos primeiros pães. É obtida a partir de ingredientes naturais, como a farinha de trigo, e segue um processo delicado e sensível de fermentação pela ação de bactérias e leveduras específicas. Esses microrganismos são os responsáveis pelas características nutricionais e de qualidade do pão. “O produto oferece mais possibilidades de sabores, combinações e qualidade, pois são concentrados feitos com ingredientes selecionados, permitindo a utilização em qualquer receita de panificados, com aplicação simples e rápida. A produção de pães com fermento natural é uma das técnicas mais antigas de produção de alimentos do mundo, existem registros de uso datado de 3.700 a.c.”, destacou Cavalcante.

O mercado de massa madre vem crescendo exponencialmente no mundo todo, só nos Estados Unidos deu um salto de US$ 298 milhões em 2014, para US$ 2,7 bilhões em 2020, o que representa um crescimento anual médio de cerca de 45%. Até 2025, as projeções apontam que o segmento tenha um alcance de US$ 3,5 bilhões. Já na Europa, pesquisas revelam que 95% dos consumidores de produtos panificados conhecem os produtos fabricados com massa madre e 70% compram pães produzidos com o fermento natural.

As expectativas de futuro para a massa madre no Brasil são bastante positivas, devido ao fato do consumidor brasileiro estar alinhado à tendência global de aumento do consumo de pães de fermentação natural. Vale mencionar que a massa madre é um produto onde o selo in natura é totalmente liberado, dentro da indústria de panificação.

Fonte: Target | Estratégia em Comunicação




Envie uma notícia



Telefone:

11 99834-5079

Newsletter:

Fique conectado:

© EDITORA INSUMOS LTDA.

001